Serviço Municipal de Luto pratica valores abusivos, denuncia vereador

Ademir Silva diz que órgão gera entre 700% e 800% de lucro com venda de urnas

O vereador de Divinópolis, Ademir Silva (PSD) pediu a formação de uma comissão especial para investigar suspeita de cobranças excessivas relacionadas ao Serviço Municipal de Luto. De acordo com ele, o órgão compra urnas com preços módicos e chega a vendê-las, obtendo um lucro de 700% a 800%. No plenário, ele cobrou revisão dos preços.

“É abusar do poder que a prefeitura tem, que foi dado em 1983, através do então prefeito Aristides Salgado, que passou este serviço da previdência privada para o Executivo. Hoje não podemos ter outra empresa na cidade deste segmento a não ser o SML e cobrando um preço absurdo desse” relatou Ademir.

De acordo com o decreto 12.712/2017 , a urna mais barata, considerada carente custa R$ 376 e a mais cara – superluxo imperial – é vendida a R$ 6.503. Ele quer saber para onde ou quem vai o lucro.

“Pedi que a administração reveja o decreto assinado em outubro de 2017, autorizando que cobrassem esses preços, para colocar um valor mais módico para a população e terceiro”, disse.

O parlamentar ameaçou acionar o Ministério Público (MP) caso não haja revisão da tabela. 

O mesmo decreto estabeleceu outros valores, como o de  florimento  R$85 (parcial) e R$203 (completo). O véu custa R$ 22, a vela R$ 23, suporte de urna R$25. Já a utilização do velório municipal custa R$251. Em 2017 o reajuste dos valores foi de 20%. A última revisão havia ocorrido em 2014.

Prefeitura

O PORTAL entrou em contato com a Prefeitura e a mesma, através da assessoria de imprensa, afirmou que os serviços que estão sendo cobrados não são somente as urnas, mas sim também os de transporte, pessoal e floricultura. Segundo o Município, os valores estão dentro dos valores de mercado, não havendo superfaturamento.

Amanda Quintiliano

Amanda Quintiliano

Amanda Quintiliano é editora-chefe do Portal Centro-Oeste. Jornalista por formação e paixão. Pós-graduada em Marketing e Comunicação Integrada.

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL CENTRO-OESTE. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL CENTRO-OESTE poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.