Professores da rede estadual retomam greve » Portal Centro-Oeste

Última Hora

No results found.

Professores da rede estadual retomam greve

 

Mais uma vez pagamento não foi depositado no quinto dia útil; Adesão ao movimento ainda é tímida

Marcelo Lopes

Os professores da rede estadual retomaram a greve. A paralisação foi definida em assembleia realizada nesta segunda (09), em Divinópolis. A adesão das escolas ainda é tímida, mas deve crescer nos próximos dias, segundo a  diretora da Subsede do Sindicato Único dos Trabalhadores da Educação em Minas Gerais (Sind-UTE/MG), Maria Catarina Labore. 

A assembleia confirmou o posicionamento da classe frente a greve, devido a mais uma vez, não receberem o pagamento integral no quinto dia útil, o que ocorreu durante o mês passado e acabou ocasionando uma paralisação em parte das escolas estaduais na cidade.

“É claro que o início da greve, nessa semana, realizada ontem, não contou com o devido entusiasmo, o mesmo ímpeto e aquela quantidade de gente, devido as escolas estarem a um passo de entrarem em férias. Cada escola tem a sua realidade, a gente entende que a participação nessa segunda etapa seria complicada”, disse Catarina.

Segundo a diretora do sindicato, três escolas de Divinópolis aderiram ao movimento parcialmente, mas não está afetando o funcionamento. São elas, Monsenhor Domingos, Armando Nogueira e Henrique Galvão. Outras unidades em cidades da região, como Oliveira, Itapecerica e Pará de Minas, também pararam. Ao PORTAL, Catarina afirmou que mais outras instituições devem aderir nos próximos dias.

PEC 49

Além da falta de pagamento aos servidores da educação, os sindicalistas também irão se mobilizar para que a PEC 49, que garante reajuste do piso da categoria, seja aprovada na Assembleia Legislativa. O documento entrou em tramitação nesta terça-feira (10).

“Já está sinalizando uma resposta positiva por nossa greve, que iniciou lá no início do ano e é este o nosso foco, a aprovação do piso, que ela (a greve) já causou modificação na constituição do Estado. Então essa PEC sendo aprovada em dois turnos, nós estamos tranquilos em relação ao reajuste do piso para o resto da vida. Amanhã estaremos lá e até o dia 13, estaremos mobilizados na ALMG, para que essa PEC seja aprovada logo logo”, finalizou Catarina.

Estado

Em nota divulgada pela Secretaria Estadual de Educação (SEE), o órgão informou que “o Governo de Minas Gerais está aberto ao diálogo e à negociações com os representantes dos trabalhadores a fim de garantir o ano letivo dos estudantes da rede”.

Deixe seu comentário

Captcha *