Corte de despesas gera economia de R$ 13,8 milhões, diz Prefeitura

Dados correspondentes a 2017 foram divulgados em um relatório feito pela Secretaria Municipal de Fazenda

A Secretaria Municipal da Fazenda divulgou nesta quarta-feira (17/10) relatório de gestão apontando a redução de despesas de 2017, quando se compara com o exercício anterior. A Prefeitura de Divinópolis economizou R$ 13,8 milhões, representando 27,10% no ano passado no confronto com 2016.

Despesas como água, locação de imóveis, locação de computadores, combustíveis, energia elétrica, matérias de higiene, vale transporte entre outros consumiram R$ 65,1 milhões em 2016, já em 2017 o valor aplicado foi de R$ 51,2 milhões.

Em 2016, foram investidos R$ 3,7 milhões em locação de imóveis e, em 2017, foram gastos R$ 3 milhões, economizando quase R$ 700 mil. “Foi feito um trabalho junto aos proprietários dos imóveis para não ter reajuste nos valores dos aluguéis, também devolvemos alguns imóveis que não estavam em uso”, explicou a Secretária Municipal de Fazenda, Suzana Xavier.

As despesas com água e energia elétrica tiveram economia de R$ 38,1 mil e R$ 324,8 mil, respectivamente. Material de limpeza teve economia de R$ 42,1 mil e telefonia R$ 23,5 mil em 2017, em comparação com o exercício anterior.

De acordo com a secretária, desde o início da gestão, a administração busca a redução das despesas, diminuindo aluguéis, conscientizando os servidores e realizando a redução da carga horária contribuindo com a economia. “A redução da carga horária contribui e muito com essa economia real, e os servidores também ajudaram reduzindo os gastos”, destacou.

Empréstimos e parcelamentos tiveram economia de R$ 7,5 milhões em relação ao período anterior. “Nós buscamos equilibrar as contas, quitar os parcelamentos e diminuir inclusive multas e juros, que em gestões passadas pagava-se muito”, frisou a secretária.

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL CENTRO-OESTE. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL CENTRO-OESTE poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.