Taxa de esgoto prevista para agosto tem nova data » Portal Centro-Oeste

Última Hora

No results found.

Taxa de esgoto prevista para agosto tem nova data

 

A cobrança terá validade inicial para 24 bairros; Tratamento será feito com operação parcial da ETE

Amanda Quintiliano

O acréscimo de aproximadamente 37% nas contas de água de consumidores de alguns bairros de Divinópolis foi suspenso pela Copasa. Pelo menos, não deverá vir na conta de agosto, segundo confirmou a assessoria da estatal. As obras necessárias para iniciar o tratamento de esgoto, como divulgado em maio deste ano, não foram concluídas a tempo.

A taxa seria aplicada aos consumidores dos bairros Manoel Valinhas I e II, Doutor José Tomaz, Universitário, Espírito Santo, Halim Souki, São Luiz, São Geraldo, São Lucas, São João de Deus, parte do Jardim Candelária, Dom Cristiano, Fonte Boa, Prolongamento do Bom Pastor, parte do Santa Clara, Padre Libério, prolongamento do São Sebastião, São Vicente, parte do Niterói, parte do Santa Martha, parte do Jardim das Oliveiras, parte do Bom Pastor, parte do Alvorada e parte do Liberdade.

A cobrança seria iniciada antes mesmo da conclusão de toda construção da estação. Isso porque as obras foram iniciadas a partir da ETE, tecnicamente falando, avançando de jusante para montante.  

“Na medida em que os interceptores são instalados, vai nos dando a possibilidade de interligar os lançamentos que existem nos córregos e rios e fazer o esgoto chegar até a ETE”, explicou o superintendente na época do anúncio, João Martins.

Entretanto, as instalações ainda estão ocorrendo. Há obras, por exemplo, as margens do Itapecerica perto da ponte que liga do Centro ao bairro Manoel Valinhas. Outro ponto é na Rua Pitangui. Lá, parte da via de acesso ao Clube dos Servidores está interditada.

Veja a entrevista concedida pelo superintendente no dia 17 de maio:

Nota

Em nota a Companhia informou “que a mudança do patamar tarifário em Divinópolis, referente à cobrança do tratamento de esgoto dos imóveis localizados na bacia do Rio Itapecerica, será realizada somente quando os efluentes estiverem sendo efetivamente tratados. A cobrança será feita apenas dos imóveis que, comprovadamente, tiverem seu esgoto transportado e levado para a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE)”.

Em nova nota enviada à reportagem do PORTAL, às 16h30, a empresa disse que “a antecipação do início da operação parcial da ETE para julho de 2018 foi definida pela Copasa, considerando-se o ritmo acelerado das obras. Em razão disso, em cumprimento à determinação da Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e Esgotamento do Estado de Minas Gerais (Arsae-MG), que exige que a Companhia informe aos clientes sobre qualquer mudança no patamar tarifário com três meses de antecedência, foi necessário o envio de comunicado informando que, a partir de agosto de 2018, seria iniciada a cobrança pelo tratamento de esgoto em alguns bairros de Divinópolis”.

O início efetivo do tratamento dos esgotos dos bairros já mencionados está previsto para setembro. Assim, a mudança do patamar tarifário nesta região deverá ocorrer em outubro de 2018.

Deixe seu comentário

Captcha *