Cleitinho critica fechamento de órgãos públicos em jogos do Brasil

 

Vereador encaminhou indicação ao prefeito pedindo que decreto regulamentando horário de funcionamento seja suspenso

Marcelo Lopes

O vereador Cleitinho Azevedo (PPS), encaminhou uma indicação ao prefeito de Divinópolis, Galileu Machado (MDB),  para que o decreto nº 12.970/2018, fosse suspenso. O ofício, publicado no Diário Oficial dos Municípios nesta segunda (02), determina que não haverá expediente nas repartições públicas do município quando os jogos da Seleção Brasileira, durante a Copa do Mundo, forem realizados às 11h. De acordo com o vereador, o motivo da confecção desta indicação se deu ao contato de alguns munícipes.

“Nessa segunda, com o jogo do Brasil, eu recebi várias mensagens da população, questionando, que foi na policlínica, que chegou no posto e que nem foram avisados. Foram aos locais para marcar a consulta e no caso, tiveram que voltar atrás, porque estavam fechados. Então acredito que a maré não está para peixe e precisa mudar isso. Não tenho nada contra a Copa do Mundo, penso que é até uma tradição nacional, então o povo tem que comemorar, assistir as partidas, ficar feliz com a Seleção, mas acredito que os órgãos públicos precisam trabalhar. Não tem que parar o mundo por causa disso”, disse o vereador.

Nesta sexta-feira​ (06), a Seleção Brasileira jogará contra a Bélgica, em partida válida pelas quartas de final, às 15h, e o expediente será parcial nas repartições públicas.

Decreto

Segundo o decreto, durante a realização da Copa do Mundo nos dias úteis em que houver jogos da Seleção Brasileira de Futebol, o expediente das repartições públicas municipais, excetuando-se os serviços considerados essenciais, cuja natureza impede a paralisação ou a interrupção, terá seu início e encerramento em horários especiais.

No documento, está escrito que nos dias em que os jogos se iniciarem às 9h, o expediente começará às 13h e se encerrará às 18h, sem interrupção. Já nos dias em que os jogos começarem às 15h, o expediente terá início às 7h e encerramento às 13h.

Ainda segundo o ofício, o disposto não se aplica aos serviços considerados essenciais, que não sofrerão qualquer interrupção nas prestações e deve ser assegurado o pleno atendimento à população e que as secretarias municipais serão responsáveis pelos serviços considerados essenciais à cidade, e organizar, em seus respectivos âmbitos, por meio de portaria, escalas para os devidos cumprimento.

Prefeitura

O PORTAL entrou em contato com a Prefeitura de Divinópolis. De acordo com a assessoria de comunicação, o Município se posicionará somente quando o ofício estiver chegado ao Executivo.

Amanda Quintiliano

Amanda Quintiliano

Amanda Quintiliano é editora-chefe do Portal Centro-Oeste. Jornalista por formação e paixão. Pós-graduada em Marketing e Comunicação Integrada.

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL CENTRO-OESTE. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL CENTRO-OESTE poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.