Atleta cadeirante dá exemplo de superação por meio do esporte

Crossfit, tênis, basquete são algumas das atividades praticadas pelo jovem de São Gonçalo do Pará

Na vida, diversos exemplos mostram como é possível seguir em frente e nunca desistir, apesar das adversidades. A história do atleta Pedro Henrique, de 26 anos e morador de São Gonçalo do Pará retrata um enredo de superação.

Pedro sofreu um acidente automobilístico há seis anos, uma lesão medular e passou por uma cirurgia de reconstrução da coluna e diversas reabilitações. Entretanto, recebeu a notícia de que não poderia mais andar novamente. Para recomeçar, as sessões de fisioterapia foram essenciais para lidar com o dia a dia de uma nova maneira.

Três anos após o ocorrido, Pedro Henrique recebeu a recomendação dos médicos para que o mesmo praticasse esportes e foi assim que a vida dele começou a mudar.

“Então eu conheci o basquete em cadeira de rodas, natação, pratiquei academia, pingue pongue e na hora que eu estava no hospital, com tudo negativo em minha cabeça, o esporte me deu muitas respostas que eu precisava naquele momento. Portanto, eu agarrei a oportunidade, me senti bem e disse “é com isso que quero viver para o resto da minha vida”, explicou Pedro ao PORTAL CENTRO-OESTE.

Hoje, ele participa de várias competições (Foto: Arquivo Pessoal)

Mesmo após o fim da equipe de basquete de cadeiras de rodas em Divinópolis e com a falta de opções, o atleta não deixou de lado o esporte. Ele decidiu criar novas oportunidades para praticá-lo. Nisso, o jovem conheceu outras modalidades.

“Comecei o crossfit sem saber o que era e foi algo que gostei muito. Participei de competições, também comecei a praticar tênis de cadeira de rodas. Na época não tinha ninguém em Divinópolis que praticava esse esporte. Foi então que procurei um professor e ele me passou as técnicas e fui buscando. Se tivermos força de vontade e foco, a gente faz dar certo”, disse.

Palestras

Há três anos, Pedro Henrique ministra palestras em escolas e empresas, contando sobre a história de inspiração que possui. Tudo isso começou após um trabalho de faculdade de estudantes de jornalismo, que também relataram sobre ele. Desde então, a jornada do atleta se tornou inspiração para quem o acompanha.

“Isso me deu ainda mais motivação para poder continuar. Algumas pessoas que assistiram as palestras começaram a me seguir nas redes sociais e me mandam mensagens do tipo “você me ajudou demais”, “comecei a praticar esportes por sua causa” (…) Eu me sinto muito bem de fazer esse bem às pessoas e acredito que estamos aqui para ajudar uns aos outros. Se está dando certo, temos que continuar”, finalizou Pedro Henrique.

Perfil de Pedro Henrique no Instagram: @pedroleben

Marcelo Lopes

Marcelo Lopes

É repórter do Portal Centro-Oeste. Graduado em jornalismo e apaixonado por esportes e histórias.

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL CENTRO-OESTE. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL CENTRO-OESTE poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.